quinta-feira, agosto 29, 2013

Copa do Brasil - Grêmio 2x0 Santos


Guardadas as devidas proporções, a situação do jogo de ida se repetiu, mas com o os atores invertidos. O time da casa (dessa vez o Grêmio) se mostrava ansioso e pouco criativo, enquanto o time visitante (Santos) parecia mais consciente em campo, tendo as melhores chances para marcar. E mais uma vez os visitantes desperdiçaram essas chances e os mandantes souberam aproveitar as suas raras oportunidades para ganhar o jogo. A diferença é que dessa vez se tratava do jogo de volta, logo foi uma partida muito mais tensa, mais peleada e mais truncada. 

Com o Santos recuado, o Grêmio teve dificuldade para propor o jogo. Faltava espaço para que o meio campo pudesse repetir a movimentação e troca de passes vista nos últimos jogos. Sem muito poder de infiltração o time dependia do recuo dos atacantes para buscar o jogo, e isso desacelerava as jogadas de ataque. Mesmo com imensa vontade, o Grêmio tinha sérias dificuldades para sair jogando e acabou proporcionando diversos ataque para o Santos. Por sorte Gabriel se colocou em posição de impedimento aos 21 minutos do primeiro tempo quando recebeu o passe de Thiago Ribeiro dentro da área. Por sorte o mesmo Gabriel errou o gol depois de aproveitar o recuo mal feito por Bressan, aos 7 minutos do segundo tempo. E por "sorte" o Grêmio conta com um jogador da qualidade do Souza no seu time, jogador que apanhou a bola na defesa, encontrou Barcos no ataque e apareceu dentro da área para concluir o passe do argentino. O 1x0 fez bem ao Grêmio, mas o jogo seguiu nervoso e parecia se encaminhar para os pênaltis, só que aos 42 minutos Pará e Maxi Rodriguez fizeram boa tabela e a bola chegou a Werley, que teve imensa tranquilidade para tirar de Aranha e marcar o 2x0 necessário para a classificação.


O Grêmio conseguiu o resultado positivo e a classificação. O esquema vem rendendo bem, principalmente fora de casa, mas o jogo de ontem mostrou que é preciso pensar em alternativas para quando o time precise de maior criatividade na frente. 

Acho muito legal que o Grêmio tenha feito uma redução e promoção nos ingressos, mas o estádio deveria estar preparado para isso. Pouco antes da bola rolar havia uma grande fila para compra/retirada de ingressos e boa parte das bilheterias estava fechada. E é inadmissível que se formem filas nas rampas e nos portões de acesso (alguns deles estavam misteriosamente fechados) num jogo de menos de 30 mil espectadores.

Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net) e Ricardo Rimoli (Lance)

Grêmio 2x0 Santos

GRÊMIO: Dida; Werley, Rhodolfo e Bressan; Pará, Souza, Ramiro (Gabriel - 46'/2ºT), Riveros (Maxi Rodríguez - 17'/2ºT) e Alex Telles; Kleber e Barcos (Yuri Mamute - 48'/2ºT).
Técnico: Renato Portaluppi

SANTOS: Aranha; Galhardo, Gustavo Henrique, Durval e Mena; Alison, Renê Júnior (Neto - 34'/2ºT), Cícero e Montillo (Léo Cittadini - 24'/1ºT); Gabriel (Everton Costa - 23'/2ºT) e Thiago Ribeiro.
Técnico: Claudinei Oliveira

Copa do Brasil 2013 - Oitavas de final - jogo de volta
Data: 28/08/13, quarta-feira, 21h50
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Público Total: 26.960 (25.871 pagantes)
Renda: R$ 967.346,00
Árbitro: Felipe Gomes da Silva (PR)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo-MG e Fabiano da Silva Ramires-ES
Cartões amarelos: Renê Júnior, Gustavo Henrique, Cícero (SAN) Souza, Kleber, Maxi Rodríguez (GRE)
Cartões vermelhos: Galhardo (após o apito final)
Gols: Souza, aos 10, e Werley, aos 42 minutos do segundo tempo

2 comentários:

iFrost disse...

MUITO BOM O SEU TEXTO E MAIS UMA VEZ O GRÊMIO MOSTROU SUA FORÇA!

Santos disse...

Curti o blog!