terça-feira, janeiro 08, 2008

Mascote: Mosqueteiro

Uma das poucas coisas que nunca gostei muito do Grêmio é o mascote. Talvez por ser o mesmo do Corinthians, talvez por não conhecer a origem. Pois bem, tratei de fazer uma pequena pesquisa sobre o tema. Há duas versões para a origem do mascote corinthiano, uma de 1913 , outra de 1929. Já no Grêmio, o mosqueteiro só apareceu em 1946, como explica o site Pelé.net:Em 1946, o chargista Pompeo, do jornal "Folha da Tarde", criou uma tira que circulava sempre às segundas-feiras. Ela trazia sete personagens representando os sete clubes que disputavam o Campeonato Citadino. O Mosqueteiro era um deles, provavelmente inspirado na mascote do Corinthians, de São Paulo. Naquele mesmo ano, a torcida levou o personagem ao estádio, desenhado numa faixa que também trazia os dizeres "Com o Grêmio, onde estiver o Grêmio" (mais tarde adaptada no hino composto por Lupicínio Rodrigues para "Com o Grêmio, onde o Grêmio estiver"). Inicialmente era um mosqueteiro gordo. Com o tempo, ele foi se tornando mais esbelto e atlético (Pelé.net)
No seu livro "Futebol e identidade social -Uma leitura antropológica das rivalidades entre torcedores e clubes", Arlei Sander Damo entrevistou Salim Nigri, que confirmou esta versão:

Segundo Salin, o mosqueteiro foi mesmo invenção do chargista Pompeu, da Folha da Tarde/Correio do Povo. Antes mesmo de iniciar o Campeonato Gaúcho de 1946, disputado apenas pelos clubes de Porto Alegre, a Folha da Tarde já anunciava que, às terças e sextas-feiras, seriam publicadas as charges do Pompeu e fazia uma breve explanação sobre o enredo e o perfil dos personagens. Resumidamente, “O Casamento da Rosinha” era uma metáfora sexual na qual a rosinha, “moça esbelta e vaidosa”, simbolizava o campeonato e, seus pretendentes, os clubes. Tinha o Zé Marmita, representando os colorados – “democrata cem por cento/quando surge o povo grita/Salve o Dr.Marmita”-, o Mosqueteiro, gremista – “esgrimista das palavras e da pelota” – e outros como o Seu Dindim, do Força e Luz – clube ligado à Companhia Carris, responsável pelos bondes – e o Seu Sertório, do Renner – um dos últimos “clubes de fábrica” do futebol gaúcho. O flerte da semana seguia de acordo com os resultados do domingo e, à medida que se aproximava o final do campeonato, a Rosinha voltava as suas atenções apenas para o Zé Marmita e Mosqueteiro, tendo, este Último, seduzido a moça. Cf Folha da Tarde entre 18/5/1946 e 1/10/1946. (Arlei Sander Damo)

Nesta obra, o antropólogo, cita a faixa "com o Grêmio/Onde estiver o Grêmio", o Hino de lupícinio e o mascote mosqueteiro como fatores importantes da retomada da popularidade do Grêmio nas décadas 40 e 50

Não consegui encontrar o desenho original de Pompeo, e a única imagem do mosqueteior gordo que achei, foi essa abaixo, retirado do site Coleção Grêmio Gianfranco. No mesmo site, se encontram flámulas das décadas de 1950 e 1960 onde o mosqueteiro já aparece mais magro.

Vale lembrar que, além de uma revista, o mosqueteiro já deu nome a uma churrascaria localizada no Olímpico

Versão de Ziraldo pro mascote tricolor.

Figurinha do Album Campeonato Brasileiro 96, da Panini

Mascote reformulado nos anos 200o, tirado de adesivo usado na campanha da Libertadores de 2002


Boneco feito a partir da versão atual do mascote, vendido na internet

Retirado de um papel de parede do IG


Desenho de Rodrigo Habib


Quando da reformulação da Revista Placar em 1995 ( Edição 1107 Setembro/1995) , foi promovido pela publicação uma renovação dos mascotes, que ficariam mais parecidos com os heróis da Marvel/DC. O Mascote Gremista ganhou o nome de espadachim azul e é essa figura bizarra que vocês podem ver na imagem acima


A mesma placar, fez, em novembro de 1995, um ensaio com Danrlei, Dinho e Jardel como os três mosqueteiros tricolores.

10 comentários:

Anônimo disse...

amei o post *o*

Anônimo disse...

muito bom esse site!!!!!!!!!!!!!! muito
10 amei

Anônimo disse...

adoroooo o gremio futebolportoalegrense

Anônimo disse...

eu sou gremista numero 1 , gosteu muito de saber que o mascote do meu time é um mosqueteiro, ai ele pode matar o mascote do flamendo! kkkkkkkk.

jaquelinebecker- disse...

concordo com vc Anônimo q bom q o mascote do gremio é um ''mosqueteiro''

Anônimo disse...

No jogo do Santos, o MOSQUETEIRO voltou com a espada na mão e o PEIXE no bolso!!!!111

Marcelo Oliveira YRFB disse...

Isso é uma Bichona ...
Grêmio BI Rebaixado ...
Grêmio e sua ANALvaLANCHE ...
Nada poDe ser menor que o Greminho ...

NÃO SOMOS COMO OS PUT0S DA SÉRIE b

Anônimo disse...

o ceara meteu 3 no gremio aqui tem sola até pro mosqueteiro,kkkkkkkkkkkkkkkkkk

IAGO disse...

gostei muito de site ele é um diario sobre o GRÊMIO muito 10
100%
TIMÃO DO MEU
CORAÇÃO

Anônimo disse...

O GRÊMIO É UM TIME DE GUERREIRO
QUE NÃO CANSA DE LUTAR E FAZ SENTIDO ESS MASCOTE DO GRÊMIO.
E GRÊMIO MUITO JÁ MATOU O INTER DESSES PUTOS QUE PERDERAM PARA OMAZENBE NO MUNDIAL DE CLUBES.