terça-feira, dezembro 05, 2006

Seleção do campeonato

Uma coisa que tem me deixado meio irritado é essa coisa de seleção do brasileirão. Quanta besteira e quanta incoerência ao escalar onze jogadores. O erro mais comum é fazer a seleção do campeonato de trás pra frente, ou seja, pegar o time campeão e fazer uma ou outra substituição. Eleger Muricy como melhor técnico é um erro, não é só porque ele foi campeão que ele é o melhor treinador, há de se analisar quais as condições que são oferecidas a cada treinador. Rogerio Ceni também não é nem de longe o melhor goleiro do campeonato, pode ser o melhor batedor de falta, mas não é o melhor goleiro, muito menos o craque do campeonato. Outro erro é colocar como melhor jogador o primeiro nome que vem a cabeça, como bem descreve este blog:

"Alías, é muito mais honesto do que colocar um Paulo Baier na lateral direita, que não joga bosta nenhuma na posição, está numa equipe ameaçada de rebaixamento, mas que é lembrado porque é o único lateral direito do qual as pessoas lembram o nome."


Outra besteira é comparar este tipo premiação com o Oscar. Pra quem não sabe, para votar em um categoria, o membro da academia precisa assistir todos os 5 indicados, se não ficam impedidos de votar. Duvido muito que a maioria dos votantes destas premiações tenha visto um numero suficientes de jogos para estarem aptos a votar.

Aqui estão os melhores da Globo/CBF, do Grêmio, só o lucas:

Goleiro: Rogério Ceni (São Paulo)
Lateral-direito:
Souza (São Paulo)
Zagueiro central:
Fabão (São Paulo)
Quarto zagueiro:
Fabiano Eller (Internacional)
Lateral-esquerdo:
Marcelo (Fluminense)
Primeiro volante:
Mineiro (São Paulo)
Segundo volante:
Lucas (Grêmio)

Meia direita: Zé Roberto (Botafogo)
Meia esquerda:
Renato (Flamengo)
Primeiro atacante:
Fernandão (Internacional)
Segundo atacante:
Souza (Goiás)

Técnico:
Muricy Ramalho (São Paulo)




Árbitro - Leonardo Gaciba da Silva (RS)
Artilheiro - Souza (GOI)
Craque da Torcida - Renato (mais votado na eleição da Internet)
Rei da Bola - Rogério Ceni (jogador mais mencionado pelo júri técnico, eleito o melhor do campeonato)

Premiação excessivamente carioca, feita no teatro municipal do Rio, com torcida de vasco e flamengo, apresentada por Evandro Mesquita, enfim um desatre. Sobre a premiação, do mesmo blog acima citado:

"A CBF tem que parar com essas premiações contrangedoras.

Sério, contratar o João Bosco Vaz pra organizar tudo soa razoável depois do que eu vi hoje."

A seleção da Folha de São Paulo já é um pouco mais coerente, apesar de ser um pouco paulista. Não por um acaso nela aparece, além do lucas, Mano Menezes como melhor treinador:

Rogerio
Ilsinho
Fabao
Fabiano Eller
Kleber
Mineiro
Lucas
Zé Roberto
Souza (São Paulo)
Fernandao
Souza (Goias)

Melhor jogador - Mineiro
Melhor treinador - Mano Menezes

Um comentário:

Jair Bernardes Jr. disse...

A premiação foi um festival de bolas nas costas, onde um nome era anunciado e aparecia vídeo de outro, etc.
Pior ainda foi a indicação do Souza para a lateral, se nem lateral ele foi. Se vale analisar apenas pelos 3 jogos em que ele jogou nessa posição, então o tal 'Pato colorado' deveria ser o melhor atacante, pois jogou uma vez e foi muito bem.