quinta-feira, janeiro 15, 2009

Jogo-treino - Grêmio x São Paulo, de Bento Gonçalves.


Primeiro tempo- no 4-4-2
3x1
Gols: Souza, Alex Mineiro e Reinaldo; Maicon (SP)
GRÊMIO: Victor; Ruy, Léo, Réver e Fábio Santos; Diogo, Willian Magrão, Tcheco e Souza; Alex Mineiro e Reinaldo

No segundo tempo - no 3-5-2
4X0
Gols: Rafael Martins (2), Heverton e Roberson
GRÊMIO: Matheus (Alessandro); Wellington, Rafael Marques, Heverton, e Jadilson; Julio Cesar (Paulinho), Adilson, Makelele (Isael), Orteman (Mithyuê); Jonas (Roberson) e Morales (Rafael Martins).


segundo o Correio do Povo:
"O 4-4-2, visto em Bento Gonçalves, indica que o time deve apostar – e muito – nas jogadas pelos lados do campo. Tanto Ruy como Fábio Santos apareceram com frequência no ataque (foi do lateral-esquerdo o cruzamento para o primeiro gol, de Souza)"

Segundo o ClicRBS:
"Alex Mineiro, o homem dos 2 a 0, aos 32 minutos, mostrou técnica ao chutar após o domínio de bom passe pelo meio de Tcheco" "Souza e Willian Magrão foram os destaques. Novato na lateral-direita, Ruy chegou bastante à frente, ainda que com menos brilho do que o colega canhoto. Alex Mineiro, o homem dos 2 a 0, aos 32 minutos, mostrou técnica ao chutar após o domínio de bom passe pelo meio de Tcheco"

Correio:
"Na segunda etapa, com os reservas, foi a vez de uma boa atuação do garoto Rafael Martins, autor de dois gols."


ClicRBS:
"Quanto à marcação, houve raros problemas – como no gol de Maicon, aos 42 minutos, em jogada individual pela esquerda na qual o jogador chutou sem chances para Victor. Léo e Rever fizeram da seriedade um mote, e não se constrangeram em chutar para fora quando preciso."

Zero Hora:
"O São Paulo levou a campo pelo menos um nome conhecido do interior gaúcho: o meia Rivelino, carequinha que passou pelo Esportivo nos últimos anos de carreira. Ele vestiu a camisa 10. Baggio, outro ex-zagueiro do time local, era o 4. Sem contar Palito, camisa 8.

Cerca de 2 mil pessoas, segundo observadores locais, tomaram o Complexo do São Paulo,
localizado no bairro Borgo. Com vista para a azulada Igreja de Nossa Senhora do Carmo, o campo teve só torcida adversária – do São Paulo, apenas duas bandeirolas hasteadas em um pavilhão. Com faixas estendidas, os gremistas cantaram o tempo todo."




Fotos: Jornal A Gazeta e Grêmio.net



2 comentários:

Gabriel disse...

Essas informações de jogo-treino são muito desencontradas. Eu escutei os programas da radio bandeirantes e praticamente todos criticaram o desempenho do Grêmio, enquanto no RBS elogiaram.

Eu queria saber o que realmente aconteceu na partida.

André Kruse disse...

Algo parecido com isso aconteceu ano passado antes do brasileiro, naquele amistoso contra o Avaí.

Eu, preconceituosamente, acabo senmpre tendo um pé atrás com a Band.