segunda-feira, abril 02, 2007

Gauchão - Brasil-Pel 1 x 0 Grêmio

Anunciada a escalação do time reserva ficava a dúvida de como o time do Grêmio se comportaria sem nenhum jogador típico de criação de jogadas no meio campo. Antes de que desse tempo pra observar isso, o time reserva, sem entrosamento portanto, aceitou a pressão imposta pelo Brasil e acabou levando um gol "quase olímpico". Milar cobrou bem, Gavillan tirou de cabeça mas a bola acabou batendo em Edmilson e entrando. Poderia ter havido mais decisão no lance por parte dos atletas gremistas, mas foi mais um lance de azar mesmo. O jogo ficou como o Xavante queria. O gremio atacava mais pela esquerda, com Bruno Teles e Diego Souza, mas as jogadas não eram finalizadas. Gavillan, em uma de suas poucas descidas pela direita, deu um bom passe pra Everton, que chutou bem, mas a bola passou raspando a trave. Ainda no primeiro tempo o Brasil chegou a ameaçar nos contra-ataques .

No segundo tempo o Gremio forçou mais a bola no Tuta, que apesar de estar fora de ritmo mostrou muito brigador. Mano colocou Douglas pensando em aproveitar essa jogada, mas logo ele se machucou. O tricolor incomodava a defesa do brasil com essa jogada, mas não chegava a criar perigo. Num lance que ninguem viu nada, Pereira foi expulso após o bandeira Altemir Hausman ser pressionado pelo banco de reservas do brasil. O jogo ganhou em nervosismo, mas não em qualidade, e terminou com a justa vitória do Brasil.

É óbvio que a arbitragem não foi a causa da derrota do gremio, mas nem por isso deixou de ser ruim. O bandeirinha só "expulsou" Pereira após a pressão do banco de reservas do Brasil, num lance em que ninguem sabe ao certo o que aconteceu. Simon, o "nº1" foi aquilo tudo que nós conhecemos , desde o ínico do segundo tempo tratou de "amorcegar" o jogo.

Novamente tivemos um "show" de transmissão pela TV. Nenhuma imagem do suposto cotovelaço do Pereira foi mostrada. Não sei a quem credito essa falha: RBS, Guaíba, Record ou Igreja Universal.

BRASIL-PEL 1 X 0 GRÊMIO

BRASIL-PEL: Rodrigo Silva; , Régis, Alex Martins e Júlio; Glauber (Scharles), Marcos Basilio, Batata, Maycon e Evaldo; Cláudio Milar e Reinaldo (Fernando Melo).
Técnico: Suca

GREMIO: Marcelo; Gavilán, Pereira, William Thiego e Bruno Teles; Edmilson (Edmilson), William Magrão, Sandro Goiano e Diego Souza; Éverton (Douglas) (Aloísio) e Tuta.
Técnico: Mano Menezes

Data: 1/04/2007 (domingo), 16h00min
Local: Estádio Bento Freitas, em Pelotas-RS
Árbitro: Carlos Simon (RS)
Assistentes: Altemir Hausmann (RS) e Luiz Roberto Guaranha (RS)
Gols: Cláudio Milar (B) aos quatro minutos do primeiro tempo.
Cartões Amarelos: Tuta (Grêmio); Glauber (Brasil-Pe).
Cartão Vermelho: Pereira (Grêmio)

2 comentários:

mateusdesousa disse...

Lúcio e Patrício do Grêmio são uns Lixos!!

André disse...

acho muito injusto colocar Lúcio e Patrício no mesmo saco.