segunda-feira, junho 25, 2007

Brasileiro - Inter 0 x 2 Grêmio

Gre-nal para começar as 18h10min no Beira-rio, o Sportv mostra imagens do estádio. Estranhamente se nota a presença de várias camisas e até faixas azuis na torcida colorada. A torcida gremista fica confinada no pequeno espaço que lhe foi dado, na volta existem lugares para mais milhares de Gremistas, mas a direção do Inter não quis ver seu estádio mais cheio. O Sportv não para por aí e continua o "show' de tran smissão. A Camera que exibe o jogo estava colocada na altura da Coreia do beira-rio e mostrava uma imagem muito escura. Nos comentários Jader Rocha e Batista não deixavam por menos. A torcida de Batista chegou a ser constrangedora.


No campo, Grêmio entrou com Lúcio no meia esquerda, formando duas linhas de 4. Por vezes Ramom recuava e fazia o quinto homem do meio campo. Diego Souza e Lúcio tinha clara missão de marcar a saída dos laterais colorados, e isso acabou deixando as coisa mais facéis. Cedo no jogo Clemer saiu jogando errado e Lúcio recuperou a bola, avançou, passou entre Indío e Ceará e tocou de direita na saída do goleiro. 1x0. O placar deu tranquilidade para o tricolor continuar executando sua tática, dando algum espaço para o inter na frente da área, pos Gavilan e Sandro não tinham acertado a marcação. No Lance de maior perigo do Inter, Iarley girou em cima de William a ficou livre para chutar, Schiavi aproveitou-se da demora e salvou num acrobático carrinho.


Inter volta com Christian para o segundo tempo. Ao longo do primeiro tempo a reportagem informava que Gallo queria que se forçasse o jogo em cima de Schiavi, talvez pretendesse o mesmo com Christian. Fato é que Schiavi esteve perfeito e no segundo a zaga do Grêmio esteve muito bem posicionada. Gavilan passou a jogar mais na frente da área e os problemas diminuíram. O Inter só teve uma chance, Iarley recebeu em posição duvidosa mas Gavilan salvou. De resto o colorado pouco ameaçou. Antes da metade final do segundo tempo, Lúcio antecipou uma bola no campo defensivo e lançou Everton. O mesmo Lúcio passou pela esquerda levando a marcação, Ramon carregou os zagueiros pelo meio e Everton conduziou a bola até a direita e passou para Diego Souza que entrava livre e da entrada da área soltou um foguete no ângulo. 2 x 0. A partir daí só deu Grêmio. Aí sim poderia ter sido mais, principalmente no lance que Evérton pegou mal na bola. Mas o Placar ficou de bom tamanho.



Que atuação teve Schiavi, só superada por Lúcio. O chato é ver a dificuldade da imprensa em elogiar o argentino, mesmo diante de uma atuação como a de ontem. E depois falam que não tem perseguição.

Uma pena que dificilmente se repetirá essa formação em Santos, Lúcio de meia foi uma boa alternativa, um time que fica certinho pra jogar no contra-ataque.




Fotos: ClicRBS, Gremio.net e Internacional.com.br

Internacional 0 x 2 Grêmio

7ª Rodada - Campeonato Brasileiro
Data:
24 de junho de 2007, domingo, 18h10min
Local: Estádio do Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Renda: R$ 511.398,00
Público: 33.478 (30.237 pagantes).
Árbitro: Wilson Luiz Seneme (Fifa-SP)
Assistentes: Carlos Augusto Nogueira Junior e Evandro Luís Silveira (ambos de SP)
Cartões amarelos: Sidnei, Pinga, Márcio Mossoró, Alex, Iarley (Inter); Saja, Schiavi, Bruno Teles e Sandro Goiano
Gols: Lúcio aos nove minutos do primeiro tempo e Diego Souza aos 19 minutos do segundo tempo

2 comentários:

Anônimo disse...

Acho que agora encerrou o assunto Libertadores definitivamente hehe.

André K disse...

Pois é.

para uns o assunto se encerrou agora, depois da final.

Para outros se encerrou ainda na primeira fase