quarta-feira, maio 21, 2008

Dívidas II

Como era imaginado, repercutiu as informações sobre as dívidas do Grêmio publicada na coluna do Hiltor Mombach.

Cacalo escreveu:
"Prezado jornalista. Acerca da sua coluna (dia 20), tenho a pretensão de fazer duas colocações, em acréscimo: do valor de R$ 23.462.000,00,relativos ao passivo decorrente da minha gestão, 50%, aproximadamente,tornaram-se Refis no ano seguinte, logo, em prestações eternas.Ao sair, deixei renovados por três anos, o máximo que a lei permitia,os contratos de Eduardo Costa, Scheidt e Ronaldinho, só para citar os mais importantes, que, vendidos no ano seguinte, trouxeram aos cofres do Grêmio aproximadamente 22 milhões de dólares, que pagariam não somente o passivo de minha gestão, mas a dívida de toda a história do clube, e ainda sobraria muito dinheiro. Por fim, se assumi com 11 milhões de passivo e entreguei com 23 milhões, contraí dívida de 12 milhões.
Atenciosamente. Luiz Carlos P. Silveira Martins.” (Correio do Povo, 21/05/2008)


Ainda na coluna, há informação de o Balanço do Grêmio está disponível no site do Grêmio Novo, e de fato está. A imagem disponibilizada lá, foi a que eu "scaneei" (mal e porcamente diga-se de passagem) do Jornal do Sul e publiquei aqui no blog, em 1º de maio. O "problema" é que na página do Grêmio Novo não se encontra nenhuma referência de onde a imagem foi tirada.


Sobre o balanço, dois links, um de blog brasileiro, outro de um blog português, comentando as demonstrações do Grêmio

3 comentários:

Gabriel disse...

Odone comemora desempenho financeiro do clube no início de 2008

http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Times/Gremio/0,,MUL489922-9868,00.html

Anônimo disse...

Hiltor é coloradaço. Quem é de Garibaldi sabe... Esse cara tá a fim de fazer intriga. Cuidado!

Anônimo disse...

Um comentário interessante:

https://www.blogger.com/comment.g?blogID=1448057426045295696&postID=8188952267589266078