quarta-feira, fevereiro 10, 2010

1982 - A mão de Andrade


Esse assunto já foi devidamente abordado aqui no blog, mas infelizmente sempre surge um ou outro tentando mudar a história.

Dessa vez foi o Lance, no livro "História Completa do Brasileirão - as Glórias dos Campeões" de Roberto Assaf. O autor é Flamenguista declarado, mas jura que faz análises imparciais e que denuncia eventuais favorecimentos ao time da Gávea.

O livro aborda a história do Brasileirão ano a ano. Já o verso da capa temos uma foto de Zico na Copa União de 87, o que já é algo bastante discutível. O título do Sport é omitido, o que também é muito questionável, mas ainda assim uma posição válida.

O problema está no capítulo do Campeonato de 1982, onde Assaf elege Raul Plassmann como destaque, afirmando categoricamente (páginas 122 e 123) que foi o goleiro que tirou aquela fatídica bola "de cima da linha" (pra mim de dentro do gol). Abaixo o texto:


É interessante confrontar tal afirmação com o que disse o próprio Andrade na reportagem do Régis Rosing, onde o atual técnico Flamenguista em nenhum momento cita Raul e praticamente se confessa:



Andrade aos 2 minutos:

"Eu pensei em retirar aquela bola com mão"

"Eu pensei em retirar a bola com mão" [...] "pra te dizer a verdade eu não sei o que aconteceu, eu não sei se eu levei a mão na bola ou se eu fui com a bola realmente de/com a cabeça"




9 comentários:

Adriano Snel disse...

Mais um capitulo pro livro: Arbitragem. O maior inimigo do Grêmio.

Juliana de Brito disse...

Na minha opinião, a bola entrou. E a declaração do Andrade só vem a reforçar.

A propósito, o Zico escolheu esses dias no Esporte Espetacular o lance do empate da primeira partida como o mais importante da sua carreira: http://video.globo.com/Videos/Player/Esportes/0,,GIM1201523-7824-ZICO+REVELA+QUAL+O+GOL+MAIS+IMPORTANTE+DA+SUA+CARREIRA+CONFIRA+SE+VOCE+ACERTOU,00.html

Lourenço disse...

Eu achei que em 2009 tinha sido o primeiro título brasileiro que o Andrade conquistava mesmo "sem saber direito o que aconteceu".

Pela imagem, parece que a bola não entrou, mas parece que foi mão mesmo.

Maninho Fragoso disse...

Em primeiro lugar: sou gremista, só pra deixar claro!
Segundo lugar: o Flamengo é o campeão de 1987. Por favor vamos parar com essa palhaçada. O Sport jogou a segundona. Se o Grêmio, que ficou em quinto naquele ano, ganha a final e não disputa esdruxulo quadrangular proposto pela CBF,você diria que não somos campeões nesse ano?
Em terceiro lugar: reparem na imagem que o Andrade apoia a bola no braço e levanta ela, quem dá o tapa é mesmo o Raul. O Andrade coloca a mão antes na bola. Foi uma pena não termos ganho o bi em 82.
No mais um abraço e parabéns pelo blog.

Menezes disse...

- E tava calor naquele dia, né oooooo Batista?

- Tive lááááá...

#BatistaFacts

Sancho disse...

Admitamos que o vídeo não é conclusivo.

O.T.: Ao que parece, aqueles uniformes terrivelmente inaceitáveis do Uruguai para a Copa do Mundo teriam sido descartados pela Puma. Em 3.3, os modelos novos serão lançados em partida contra a Suiça em Zurique.

ver em http://forums.soccerfansnetwork.com/showthread.php?t=71795&page=2

André Kruse disse...

Maninho,

O Guarani foi vice em 86 e jogou a "segundona" em 87.

A CBF propos o quadrangular e clube dos treze aceitou.

Já pensou se o Grêmio se recusa a jogar com o São Caetano em 2000?

Maninho Fragoso disse...

André,
o Clube dos Treze jamais aceitou o cruzamento proposto pela CBF, independente das equipes que fossem para a final.
Havia u acordo entre os Treze que não entrariam em campo, fato que ocorreu.

Andre Kruse disse...

Eurico Miranda, que na época era o representante do C13 na CBF aceitou o cruzamento.