sexta-feira, fevereiro 15, 2008

Celso Roth contratado


Pelaipe confirmou agora ( 11:15) no programa redação Sportv. Se apresenta segunda-feira.

Não é o técnico dos meus sonhos, mas gosto muito do trabalho dele. Dos técnicos disponiveis me pareceu a melhor opção.

10 comentários:

Gremista Vigilante disse...

Basta o cara tirar alguns dias de férias e os fatos importantes se sucedem em profusão. Que fumaceira!

André, creio que somos dos poucos gremistas que aprovam a contratação do Roth. O time do Mancini tinha os seguintes defeitos:

1. Defesa mal posicionada.

Não era só o problema de serem inexperientes os zagueiros [?! - Leo jogou boa parte do Brasileirão 2007], mas defeito tático evidente. Os volantes subiam junto ao ataque com os alas/laterais e deixavam a zaga sem cobertura. A possibilidade de tomar um balaio de gols em jogo contra um time grande era imensa.

2. Falta de jogadas ensaiadas.

Nada. Faltas, escanteios, tudo em vão. Um deserto de idéias.

3. Apatia do grupo.

Tradicionalmente o mobilizador é o preparador físico, mas o técnico tem que fazer a sua parte. Não basta ficar olhando olimpicamente para o jogo enquanto as coisas vão mal - a casamata não é lugar para gentlemen.

Com um grupo mediano, um boa dose de gana e superação é parte indispensável da receita para bons resultados. Entretanto, Mancini não tinha o perfil para instilar esse estado de ânimo nos atletas.

Como bons gremistas, só nos resta desejar a melhor sorte a ROTH. Esses que já estão avisando que irão vaiar ou que suspenderão o pagamento das mensalidades mostram bem a medida do seu gremismo.

Saudações tricolores,

GV [imortalgremio@yahoo.com].

P.S.: Navegando um pouco nesse retorno, percebi que alguém transcreveu em outro blog o nosso debate sobre cláusula de barreira, movimentos organizados, etc. [lembra?]. Pena que os organizadores do blog não entenderam nada, preferindo partir para a agressão sem nada perguntar aos interessados. Bom, eu é que não irei até lá explicar nada...

Leonardo M. disse...

Tenho que concordar com voçes essa histeria contro o Celso Roth é um absurdo. Nas passagens dele pelo Gremio foi razoavelmente bem. E o Wagner Mancini não teva me cherando bem mesmo.

San Tell d'Euskadi disse...

Eu concordo com a contratação do Celso, mas discordo da despedida do Mancini. Ela foi absurda e sem próposito.

Gremista Vigilante disse...

Sanchotene, eu não consegui apreciar nenhuma atuação do Grêmio com o Mancini, nem os 3x0 da abertura do Gauchão.

Bem que tentei, mas não consegui simpatizar com o cara. Acho ele muito bom de entrevista - e só [como capitão do Banguzinho ele já era desse jeito: bola curta e fala macia].

Para não deixar passar a ocasião: parabéns pela aprovação na seleção do mestrado. O Flores é um cara bacana, vais te dar bem com ele [lembro dele bem piá, quando ele entrou na faculdade eu já estava quase saindo].

Saudações tricolores,

GV [imortalgremio@yahoo.com].

San Tell d'Euskadi disse...

Vigilante,

Obrigado pelos parabéns.

Tchê, eu não esperava NADA desse time do Mancini nesses primeiros jogos. Ele recém chegara e os jogadores também. Além disso, o grupo não é dos melhores. Tudo estava acontecendo EXATAMENTE como imaginei que fosse ser: o time começaria como um bandão; e, aos poucos, com os treinos e reforços, ele iria melhorando. Não tinha como cobrar MAIS. Começamos a ter atuações muito boas de meia hora, e isso já mostra o POTENCIAL da equipe. O Mancini foi demitido em meio ao PROJETO. Um projeto que, inclusive, dava resultado.

Sobre a defesa, achei tuas críticas injustas. A perda do William foi terrível para a zaga. O cara era simplesmente o MELHOR zagueiro em atividade no país. Ele jogou do lado do Evaldo, e todos se apaixonaram pelo Evaldo. Ele jogou do lado do Léo, e todos se apaixonaram pelo Léo. Se eu jogasse do lado dele, eu aposto todos se apaixonariam por mim! Ele era o comandante do time, quem organizava e facilitava as coisas atrás. Além disso, o Hidalgo e o B. Telles estavam machucados, deixando apenas o IRRESPONSÁVEL do Pico por lá. Não é à toa que tudo estourou sobre o coitado do Wagner, obrigado a cobrir as lambanças defensivas do lateral. Um miolo de zaga com média de 18,5 anos é rídículo, mas foi o que a DIREÇÃO entregou de melhor para o Mancini. Sempre pensei que com a volta do Hidalgo, as coisas começariam a melhorar lá atrás. E ainda acredito nisso. Uma pena que o Mancini não vai poder trabalhar nisso.

Um abraço.

André Kruse disse...

A venda do william foi terrivel, a defesa é promissora, mas jovem. com exceção do 1º jogo, ficou muito exposta, tava "fácil" entrar na defesa do gremio.

Também pareceia que falta um pouco de pegada, Mancini tava meio "chorão" e depois de sair se "assumiu" ofensivista.

Mas tudo isso é ficar olhando pra tras e tentando achar defeitos.

Acho que a demissão do Mancini passa muito pouco pelas atuações do time.

Profeta Missioneiro disse...

Vigilante:
Fui eu que te trancrevi. Como te fiz elogios, os caras acharam que eu estava me auto-elogiando (putz!). Acharam que era a mesma pessoa (O demodée 3 em 01). Entenderam "gap" como personagem. Realmente foi ignorância demais.
Ainda bem que entendeste.
Até porque é um blog que tem de ser prestigiado apesar de...
Lá tem um cara que escreve mais ou menos bem como tu que se apresenta como "Fábio".
Vigilante. Não dá bola pras ignorâncias. Continua escrevendo que o teu texto e tua inteligência são necessárias ao Grêmio.

Bonifácio disse...

Visitem o www.blogdacornetaprogremio.blogspot.com

Gremista Vigilante disse...

Profeta: muito obrigado. Pelo que pude ler, tiveste que aguentar agressões pesadas só por argumentar racionalmente sobre a situação interna do clube.

Sanchotene: tens razão quanto à perda do William, o cara estava jogando demais. Tenho acompanhado teus textos e concordo integralmente quanto ao Pico. O cara é um demente, irresponsável, não guarda posição [joga no estilo várzea, cada um por si]. Além disso, não sabe marcar direito. Basta ver o que ele fez no jogo de hoje contra a ULBRA.

André: o problema do Mancini foi uma espécie de choque cultural [no sentido mais amplo] com a direção do Grêmio.

San Tell d'Euskadi disse...

Foi exatamente isso, Vigilante. O Mancini foi demitido por ser cordato, educado, correto, tranqüilo. Horror dos horrores! Bom, mesmo, é ser como o Pelaipe...

P.S.: O time sofreu de "Adição por Subtração" com a expulsão do Pico! Ainda bem que está suspenso. Espero que demore MUITO para voltar...