quinta-feira, julho 10, 2008

Brasileirão - Santos 1 x 1 Grêmio


20 minutos iniciais: Grêmio na roda, Santos criando chances. Maikon Leite perdeu boas opurtunidades. Tricolor perdia o meio campo, só Magrão e Carioca apareciam por ali. O time só ia ao ataque em bolas paradas. No primeiro escanteio bem batido, Rodrigo Mendes, completamente livre, cabeceou para o gol. A vantagem acalmou o Grêmio, que acabou se organizando, o Santos, na obrigação, foi para cima. Falta de Kleber que parou no travessão. Sensacional defesa de Victor com o pé-esquerdo em arremate de Fabão. Grêmio ia se escapando, mas faltou maturidade para o time levar a vantagem para o vestiário. Nos últimos 5 minutos o time não conseguiu passar do meio campo, sequer parou o jogo. Numa sequencia que começou com um chute de Apodi (de muito longe) no travessão. Pressão, cruzamento da direita e gol de Michael, que vale lembrar ao Jurídico do Grêmio, jogava com liminar.



O segundo tempo teve um ritmo menos intenso. Uoma quantidade absurda de passes errados. O Grêmio saia mais na ligação direta. Algumas chances criadas, falta de qualidade na finalização.

Fora isso, dois pênaltis não marcados:
- “Marcel faz cruzamento para a área santista, Perea cai puxado por Fabão".
- “Em jogada de Marcel na área do Santos, bola sobra para Perea carimbar chute forte na trave. O goleiro Fábio Costa segura firme o rebote. Marcel sofreu pênalti não marcado no lance "

"Todos sabemos que lá dentro do campo não é fácil, mas tem certas coisas que dificultam muito. Ele ficava marcando umas ‘faltinhas’ para o Santos, trazendo o time deles para o nosso campo. Quando era conosco, não assinalava nada. Isso que não pode" (Roth)



Victor melhor em campo, deixou pra trás a falha contra o Botafogo.

Rever também foi muito bem até sair desorientado.

Marcel tem tamanho, impulsão, não é lento, mas é impressionante como tem dificuldade de ganhar uma disputa com os zagueiros.

Helder é jovem, uma oscilação é esperada, mas de desde o Grenal ele vem jogando muito pouco.

William Magrão bem, especialmente no segundo tempo.

Apesar do Gol, não gostei da atuação de Rodrigo Mendes. Não pode ser o único jogador de criação no meio campo.


Santos 1 x 1 Grêmio
Rodrigo Mendes 24´
Michael 46´

SANTOS:Fábio Costa; Apodi, Fabão, Marcelo e Michael; Adriano, Rodrigo Souto, Kléber e Tiago Luís (Molina, 15min do segundo tempo); Maikon Leite e Kléber Pereira (Lima, intervalo).
Técnico: Cuca

GRÊMIO: Victor; Léo, Thiego, Réver (Jean, 17min do segundo tempo); Paulo Sérgio, Willian Magrão, Rafael Carioca, Rodrigo Mendes (André Luís, 17min do segundo tempo) e Helder; Perea (Rudnei, 34 min do segundo tempo) e Marcel.
Técnico: Celso Roth


10ª Rodada — Campeonato Brasileiro 2008
Data: 9/7/2008, quarta-feira, 21h45min
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos (SP)
Público: 10.138 (público total)
Renda: R$ 66.730,00
Arbitragem: Gutemberg de Paula Fonseca (RJ), auxiliado por Hilton Moutinho Rodrigues (Fifa-RJ) e Marco Aurélio dos Santos Pessanha (RJ)
Cartões amarelos: Marcel, Perea, Willian Magrão (G); Tiago Luís (S)
Gols: Rodrigo Mendes (G) , aos 24 minutos, e Michael (S), aos 46 minutos do primeiro tempo

4 comentários:

Márcio C. M. disse...

Graças a Deus o Perea está fora do próximo jogo.

André disse...

Peraí,

O perea não vinha jogando bem,mas também nao da pra comemorar que ele vai ficar fora

Gabriel disse...

Pesquisei um pouquinho a tabela dos 5 primeiros do Brasileirão. O Flamengo possui 3 vitórias como Visitante( Fluminense, este não deveria contar, porque é campo neutro, Ipatinga e Sport). O Vitória tem apenas 1 vitória como Visitante, só venceu da Portuguesa e perdeu para o Ipatinga fora. O Cruzeiro possui apenas uma vitória fora de casa, venceu o Vitória na primeira rodada e empatou fora contra o Ipatinga. O Grêmio ganhou 2 jogos fora de casa, São Paulo e Goias foram as vítimas, e ainda não enfrentou o Ipatinga. O Palmeiras ganhou do Vasco fora e ainda não jogou contra o Ipatinga.

Com 20 pontos fora de casa, já é possivel alcançar a Libertadores com uma campanha regular dentro de casa. O Grêmio já possui 7 pontos e ainda não enfrentou o Ipatinga. Caso o Grêmio necessite fazer campanha nos ultimos 5 jogos, o Grêmio possui 3 jogos em casa e dois fora, um deles contra o Ipatinga, na penultima rodada ( quando seu rebaixamente estiver concretizado). O Grêmio possui uma tabela favoravel sim. É possivel acreditar em libertadores se manter esse ritmo fora de casa, porque no Olimpico eu confio.

Márcio C. M. disse...

Na minha humilde opinião, não estamos falando de jogar bem, mas sim de saber jogar ou não.