sexta-feira, outubro 24, 2008

Brasileirão - Grêmio 1 x 0 Sport


Grêmio foi a campo num falso 4-4-2. Thiego era um falso lateral esquerdo, Mattioni era uma falso lateral direito e Douglas um falso meia esquerda. Na prática o time jogou no 3-5-2 (Thiego era zagueiro mesmo, Douglas e Mattioni alas). A idéia não era ruim, Mattioni bateria cabeça com Dutra pelo lado direito e Thiego se preocuparia com Carlinhos Bala pelo lado esquerdo.Nem deu tempo de ver se o esquema funcionaria ou não, e William Magrão arrancou do meio campo, foi pra cima da defesa adversária e arriscou o chute, que saiu torto e fraco. Reinaldo, contudo, consertou a trajetória da bola em um só toque e a encaminhou para as redes.

O gol animou ainda mais o time do Grêmio que continuou indo para cima do adversário. Aos 16 Tcheco levantou bola na área e Reinaldo cabeceou no travessão. Mas o Grêmio passou a perder o meio campo. Douglas Costa era visto muito mais na marcação do camisa 15 Moacir do que armando jogadas de ataque. Tcheco sumiu por um tempo. O time sentiu e o Sport cresceu. Aos 34 Sandro Goiano lançou, a zaga fez a linha "burra" a Wilson ficou sozinho para cabecear, e só parou na boa defesa de Victor.

No segundo tempo Roth tentou corrigir o time, William Magrão foi jogar a frente da zaga. Rafael Carioca ocupou a ala-esquerda e Douglas foi liberado para o meio. O jogo acalmou e o Grêmio criou algumas chances. Mas Perea e Reinaldo cansaram e a marcação da saída de bola diminui, o Sport jogava mais fácil e o Grêmio tinha dificuldade de manter a posse de bola. Na melhor chance dos pernambucanos, Júnior Maranhão chutou forte, Victor fez boa defesa e Wilson chutou o rebote por cima do gol. Roth trocou seu ataque e o Grêmio finalmente conseguiu segurar a bola no ataque. O jogo se encaminhou para o final com alguma apreensão e nervosismo nas arquibancadas do Olímpico.



A atuação não foi e isso parece claro. Foi consenso no vestiário do Grêmio. Mas Felipe Mattioni lembrou algo que é bem correto: "contra o Flamengo jogamos bem e só empatamos. Nesta altura do campeonato o importante é ganhar"

Não gostei do novo "esquema". Prefiro a volta de um 3-5-2 mais tradicional. Não acho que a queda de rendimento da equipe esteja vinculada a um suposto "desgaste" e previsiblidade do esquema.

Tcheco disse que sentiu a falta de ritmo de jogo (Valeu STJD)

Réver, mais um vez o melhor em campo.

Fotos: Grêmio.net e ClicRBS

Grêmio 1 x 0 Sport
Reinaldo 2´

GRÊMIO:Victor; Pereira, Réver e Thiego; Felipe Mattioni, Rafael Carioca, Willian Magrão, Tcheco e Douglas Costa (Souza, 37 do 2º); Perea (Morales, 28 do 2º) e Reinaldo (Soares, 28 do 2°)
Técnico: Celso Roth

SPORT: Magrão; Igor, César Lucena e Durval; Cássio Lopes (Moacir, 8 do 1º; depois Luciano Henrique, 24 do 2º), Andrade (Júnior Maranhão, int.), Sandro Goiano, Fumagalli e Dutra; Carlinhos Bala e Wilson
Técnico: Nelsinho Baptista

31ª Rodada - Campeonat Brasileiro 2008
Data: 23 de outubro de 2008, quinta-feira, 20h30min
Local: Estádio Olímpico, Porto Alegre-RS
Público Total: 29.575 ( 26.833 Pagantes)
Renda: R$ 476.140,75
Arbitragem: Wagner Tardelli (Fifa-SC),
Auxiliares: Carlos Berckenbrok e Alcides Pazzeto (SC).
Cartões amarelos: Sandro Goiano, Durval, César Lucena
Gol: Reinaldo (G), a um minuto e cinqüenta segundos do primeiro tempo.

8 comentários:

Gustavo disse...

Essa afirmação do Tcheco se confirma no fato de terem levantado a placa equivocadamente, quando da entrada do Soares, colocando o número 10 no lugar do 20, de Reinaldo. O Tcheco já estava saindo de campo. Decerto, até preferia ter saído.

Tche, o problema não tem a ver com 442 ou 352. Tem a ver em acertar os passes, ocupar melhor o meio-campo e evitar lançamentos da defesa para o ataque. SEMPRE que o Grêmio faz isso, joga mal e rende pouco.

Kbecinha disse...

Ontem o Vitor abusou de fazer ligação direta para o ataque e perdemos todas as bolas. Foi um bate e volta todo o primeiro tempo. Essas invecionites do Roth nunca derão certo (vide a semifinal contra o Juventude). Além disso, ele demorou muito para mexer, tinha que ter sacado o Douglas e colocado e Souza já no início do segundo tempo p/ segurar a bola. Seja o que Deus quiser nos confrontos diretos. Vamos secar o Cruzeiro e o Palmeiras amanhã. Tá difícil, mas não vamos desistir.

nelson ramão disse...

André! Que tal os 200 mil reais oferecidos pelos São Paulo para tirar pontos do Grêmio (notícia dada na Rádio Gaúcha, momentos antes do jogo Grêmio x Sport)?

André Kruse disse...

A mala preta faz parte

Meio dificil é acreditar neste valor tão alto

nelson ramão disse...

Definitivamente sou um romântico ingênuo. Do tipo que ainda acredita que jogos e campeonatos deveriam ser disputados exclusivamente dentro das quatro linhas e com bola rolando... Ainda bem que o Grêmio é um clube individado. Havendo dinheiro, certamente não faltaria dirigente para ter uma postura como a do pessoal do São Paulo. Pelo menos assim, se formos campeões brasileiros neste ano, ninguém poderá dizer que "compramos o título". Ainda bem! É, você tem razão, mala preta faz parte... Infelizmente!

Gabriel disse...

Jogo complicado e agora vai ser sempre assim.

O Roth colocou o 4-4-2 por cabeça de cima ou por causa da imprensa, e ficou claro que não serve, principalmente, contra o Cruzeiro.

Não gostei muito do Tcheco, faltou participação e Douglas Costa tentava o drible toda hora, quando poderia simplesmente cruzar a bola para area, faltou articulação. No Segundo tempo entrou o Souza, ele participou mais que o Tcheco e foi mais participativo que Douglas Costa.

Carioca provou ser tão eficiente quanto Pico e Helder na ala esquerda no segundo tempo.

Perea foi mal, Reinaldo fez o gol e correu bastante na frente. Agora o Morales conseguiu fazer o lance mais bizonho do jogo, receber a bola na pequena area sozinho e não conseguir dominar a bola é brincadeira. Soares, como sempre, pouco acrescentou, só ajudou a prender a bola no fim.

Esse jogo vai entrar para história como o primeiro jogo que o Grêmio não leveu cartão amarelo, fazia tempo que eu não via isso.

San Tell d'Euskadi disse...

tchê, prefiro chamá-la de "mala branca". Afinal, paga a alguém para fazer o que deveria fazer de quqlquer jeito. Aliás, não vejo problema NENHUM nisso...

Vicente Fonseca disse...

André, perdão pelo comentário nada a ver com o tricolor, mas achei bem legal aquele videozinho que tu fez do Iron Maiden com Aces High aqui em Porto Alegre. Nos que eu gravei, o som ficou bem pior.