quinta-feira, outubro 09, 2008

Brasileirão - Grêmio 2 x 0 Santos


Jogo difícil ontem. Valendo-se do entusiasmo incial o Grêmio foi para cima do Santos. Com 1 minuto, Hélder, perto do gol, cabeceou em cima de um santista. Aos 3, Douglas Costa chutou da entrada da área, a bola desviou em Domingos e ficou a feição de Morales, que chutou rasteiro para o gol. 1x0. O Santos saiu em busca do empate. o tricolor teve ótima chance de ampliar em contra-ataque em que Morales foi lançado, mas o uruguaio chutou em cima do Goleiro. Ainda vimos duas boas cabeçadas de Soares, que levaram algum perigo. Mas o Grêmio marcava mal, deixando para dar o combate muito tardiamente, permitindo o Santos trabalhar a bola muito próxima a meta defendida por Victor. Aos 36 Molina bateu escanteio que encontrou a "forquilha". Aos 40, Molina faz o pivô e serve Cuevas, que chuta para bela defesa de Victor.


No segundo tempo o Santos segue buscando empate, sempre com o bom Kleber Pereira. O Grêmio especula no contra-ataque. Aos 9 Soares é lançado em ótima condição pela direita mas chuta mal ao ingressar na área. Aos 10 Morales dá boa assistência para Hélder, que chuta sem muita força para a defesa de Douglas. Aos 14, Douglas Costa, aparentemente sem muito enquadramento, manda a bola na trave. Aos 18, grande jogada de Douglas Costa dentro da área santista, seqüência de dribles onde a bola foi caprichosamente desviada. Muito embora os lances listados aqui sejam todos do Grêmio, quem tinha o "controle das ações do jogo" era o Santos. o Grêmio retinha cada vez menos a posse de bola e o Santos aumentava o perigo. Aos 29 Kléber Pereira antecipa-se a zaga e a bola para na trave. Aos 30, boa trama ofensiva santista, e Thiego salva bola que já havia passado por Victor. Na seqüência, Soares foi novamente lançado pela direita, mas dessa vez só parou na defesa de Douglas. Roth mexeu no time (desmanchando o 3-5-2) e o time melhorou. Aos 44, a notícia do placar final de 0x0 no Orlando Scarpelli chega ao olímpico, segundos depois Carletto manda direto para o gol uma falta em que todos esperava curzamento,.Victor, com um mão, mandou para escanteio. Aos 49, falta batida por Douglas Costa, seu xará bateu roupa e Soares mandou para as redes. 2x0 finais.


Réver fez novamente uma partida irrepreensível. Caiu lhe muito bem a braçadeira de capitão.

Já Jean novamente não mostrou serviço.

Rafael Carioca demonstra qualidade e tranquilidade espantosa. É impressionante a capacidade dele sair jogando quando o estádio inteiro clama por um chutão.

Victor voltou a melhor forma.

Mattioni garante a posição.

W.Magrão não foi bem, principalmente nos passes errados. Ocorre que a juventude do Grêmio tem seu preço, por vezes o jogador que vinha de trás não encontrava nenhum companheiro mais próximo. Do mesmo modo, o Grêmio pouco valorizou a posse de bola.

Morales mereceu todos os aplausos que recebeu. Preocupa, e muito, a zaga adversária.

Douglas Costa novamente mostrou qualidade. Mas mostrou também que não é um armador típico. Me parece ser um jogador mais terminal, de jogar mais próximo da área.

Santos, jogando assim, não deve e não pode cair.

Incompreensível a revolta de Fabiano Eller. Sua expulsão foi nada menos do que merecida. O lance de pênalti reclamado é tão somente discutível, muito embora a regra "fale" claramente em intenção.


Fotos: Grêmio.net, ClicRBS e Terra


Grêmio 2 x 0 Santos
Richard Morales
Soares 90+4´

GRÊMIO: Victor; Jean (Amaral, 34'/2º), Thiego e Réver; Felipe Mattioni, Rafael Carioca, Willian Magrão (Orteman, 34'/2º), Douglas Costa e Helder; Soares e Morales (Reinaldo, 38'/2º)
Técnico: Celso Roth

SANTOS: Douglas; Wendel, Domingos, Fabiano Eller e Fábio Santos (Carleto, 43'/2º); Rodrigo Souto, Roberto Brum, Bida (Pará, 20'/2º) e Molina (Tiago Luís, 34'/2º); Cuevas e Kléber Pereira
Técnico: Márcio Fernandes

29ª rodada - Brasileirão 2008
Data: 08/10/2008, quarta-feira, 22h00min
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre
Público: 33.035
Renda: R$ 511.778,75
Arbitragem: Marcelo de Lima Henrique (Fifa/RJ), auxiliado por Dibert Pedrosa Moisés (Fifa/RJ) e Ricardo Maurício Ferreira de Almeida (RJ).
Cartões amarelos: Morales, Jean (G), Fabiano Eller, Kléber Pereira, Domingos (S)
Cartão vermelho: Fabiano Eller (S)
Gols: Morales (G), aos três minutos do primeiro tempo, e Soares (G), aos 49 do segundo.

Um comentário:

Gustavo disse...

O Santos "se encontrou" no campeonato. Não tem mais chance de cair, ao meu ver.

Já o Vasco...

Grêmio jogou pro gasto, mas algumas individualidades ficaram bem nítidas. Mattione jogou bem, como bem tu disseste. Ele só sai do time se o Celso Roth fizer uma das suas ROTHICES.