sexta-feira, fevereiro 13, 2009

Gauchão - Grêmio 2 x 0 Juventude


A primeira meio hora de jogo foi de um time só. A ação só acontecia no campo de defesa do Juventude. O Grêmio chegava forte, principalmente quando Souza caía pelas pontas e fazia dupla com os alas. Mas aí só se achava Alex Mineiro isolado entre os zagueiros. Quando eventualmente algum jogador fazia um jogada pessoal pelo meio acabava ficando sem um companheiro para tabelar. Ainda assim o Grêmio merecia a vantagem no placar, e isto só aconteceu devido a grande atuação do goleiro Gatti (será que é parente de Hugo "El Loco" Gatti?). O Juventude teve somente uma chance, mas de grande perigo, mas Victor fez boa e firme defesa.



Grêmio saiu do 3-6-1 para o 4-4-2 no segundo tempo (Jonas no lugar de Rafael Marques). A mudança surtiu efeito imediatamente. Com poucos segundos Jonas já carimbava a trave. Aos 2 minutos, Ruy fez 1-2 com Souza pela ponta direita e chutou de bico para abrir o placar, dar segurança ao time e tranqüilizar a torcida que já se impacientava. Tricolor segui jogando melhor, usando os dois lados do campo, os laterias desciam bastante, mesmo no 4-4-2. Juventude já tinha pouca capacidade ofensiva, ficou ainda mais limitado com a expulsão de Mineiro. Grêmio teve mais chances, mas só foi ampliar aos 42, quando Souza tabelou com Herrea e tocou na saída do goleiro.

Insisto em dizer que o problema do Grêmio está na cabeça de área. Diogo tem que render mais para justificar sua titularidade.

Jonas novamente atuou bem. Este sim anda merecendo começar jogando.

Gosto de Herrera. Aprecio a raça que demonstra. Também entendo que muitas manifestações no estádio se justificam mais pela galhofa do que por qualquer outra coisa. Mas pedir o jogador antes do intervalo é demais pro meu gosto.


Não gostei da arbitragem de Fabrício Neves Correa. Marcando muitas faltinhas, parando muito o jogo, mostrando muito cartão amarelo. Achei a expulsão do jogador do Juventude injusta. Exagerada no mínimo.

Muito chata esse briga entre a Geral a direção. Existem exageros nos dois lados.

Público razoável no Olímpico. Ainda assim somos o clube com a melhor média de público no campeonato. Caravana da Miséria?

Fotos: Gremio.net , Correio do Povo e Agência Freelancer

Grêmio 2 x 0 Juventude
Ruy 47´
Souza 87´

GRÊMIO:
Victor, Léo, Réver e Rafael Marques (Jonas, 0´/2ºTempo); Ruy, Diogo (Adílson, 39´/2ºTempo), Willian Magrão, Tcheco, Souza e Jadilson; Alex Mineiro (Herrera, 26´/2ºTempo).
Técnico: Celso Roth.

JUVENTUDE: Gatti, Luiz Felipe, Juan Perez, Douglas e Mineiro; Renan(Léo Andrade, 16´/2ºTempo), Walker, Tiago Renz e Francismar (Alan, 0´/2ºTempo); Ivo a Allisson (Diego Rosa, 23´/2ºTempo).
Técnico: PC Gusmão.

Campeonato Gaúcho - 1ºTurno -7ªrodada
Data: 12/02/2009, quinta-feira, 19h30min
Local: Estádio Olímpico, Porto Alegre.
Público Total: 16.165 (13.587 pagantes)
Renda: R$ 206.047,00
Árbitro: Fabrício Neves Corrêa, auxiliado por José Franco Filho e Júlio Espinoza de Freitas.
Cartões amarelos: Rafael Marques, Ruy, Réver, Souza, Diogo (Grêmio); Renan, Francismar, Luiz Felipe, Mineiro, Alan (Juventude)
Cartões vermelhos: Mineiro (Juventude)
Gols: Ruy, 2min do 2º tempo e Souza, 42min do 2º tempo (Grêmio).

4 comentários:

San Tell d'Euskadi disse...

4-4-2, no papel, Kruse. Na prática, viu-se um 3-5-2, com o Diogo recuado à zaga.

Gabriel disse...

Olha, eu acho que foi o Alex Mineiro que deu a assistencia pro Ruy no primeiro gol do Grêmio

Gabriel disse...

Olha, eu acho que foi o Alex Mineiro que deu a assistencia pro Ruy no primeiro gol do Grêmio

André Kruse disse...

Diogo era um falso terceiro zagueiro. Jamais ficou posicionado atrás de Rever e Leo.

Gabriel, acho que tu tens razao